Walber diz o que quer e Romero faz ele ouvir o que não quer: Deputado cobra posição e ex-prefeito rebate; veja

Por Fonte83 - 24/09/2021

O deputado Walber Virgolino (Podemos) disse o que quis e acabou ouvindo o que não quis do ex-prefeito e pré-candidato ao Governo do Estado, Romero Rodrigues (PSD). É que o deputado jogou farpas contra Romero cobrando que ele se decida sobre disputa em 2022. Mas, Romero disse que as coisas não têm que acontecer na hora que Walber quer.

O bate-rebate começou quando Walber afirmou que Romero está se descredenciando para disputar o cargo de governador. “Romero é quem está se descredenciando quando ele não se decide. Ele tem que entender que ele representa um aglomerado de partidos e de pessoas. Pessoas que assim como eu têm uma reeleição à frente, que precisam de palanque. Quando ele pensa no próprio umbigo, ele não está só se prejudicando. Ele está prejudicando, toda uma oposição, pessoas que confiaram nele. Já chegou o momento dele dizer sim ou não”, falou em entrevista à Rádio Correio.

Aí, Romero rebateu ressaltando que para cada coisa há um tempo e que isso não acontece na hora de Walber. “Compreendo o tempo dele, o empo dele nem sempre é o meu tempo e nem o da política, daqui a um ano ainda não vão ocorrer as eleições, o período que nos distancia das eleições são mais de 12 meses. naturalmente a gente tem que montar uma programação, com base em planejamento e organização. Eu lembro que nas eleições de 2020, na qual ele disputou, as candidaturas foram apresentadas em julho, em julho. É cobrar muita antecipação. Eu estou trabalhando nos bastidores todos os dias. Quando fui candidato a prefeito, trabalhei nos bastidores e quando foram definir as candidaturas a minha foi apresentada em junho e eu ganhei”, acrescentou em entrevista a mesma rádio.