‘Vinde a mim, todos vós que estais aflitos e sobrecarregados’

Por Fonte83 - 16/03/2021

“Vinde a mim, todos vós que estais aflitos e sobrecarregados, que eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei comigo que sou brando e humilde de coração e achareis repouso para vossas almas, pois é suave o meu jugo e leve o meu fardo“. (S. MATEUS, 11:28 a 30.)

Hoje eu havia escrito um artigo citando algumas frases de desespero que tenho ouvido no meu dia a dia vindas de pessoas que trabalham na saúde ou que têm alguém em hospitais doentes da covid-19.

Mas logo que terminei de escrever e reli o texto, me angustiei!

A principal inquietação que me dominou foi: “É sério que em meio a essa loucura você vai descrever desespero, podendo falar sobre esperança e amor?”.

Desisti. Mudei o foco. Reescrevi.

Independente da crença e até da não crença, como diria o pastor Henrique Vieira, é hora de alguém falar sobre esperança.

Todos já conhecemos o desespero. Seja porque perdemos quem amamos, ou porque assistimos pessoas chorarem suas perdas. Desse sentimento já estamos rodeados por todos os lados porque é impossível não estremecer diante da nossa realidade.

Somos seres humanos e manter a fé e a força não tem sido nada fácil.

Mas nossa nação precisa urgente emanar a esperança. É preciso ir lá no fundo de nós para encontramos o conforto, o alívio, o auxílio, o repouso para nossas almas aflitas.

Em torno dessa mensagem de consolação trazida pelo Cristo, unamos forças nos sentimentos do bem. 

E tudo bem se agora você está aflito e sobrecarregado demais pra conseguir isso agora! 

Meu humilde conselho é: feche os olhos, esvazie a mente e concentre nas palavras que usei para iniciar esse texto.

É nelas, somente nelas que está a saída. Busquemos a Ele, e Ele nos aliviará.