Uma imagem popular vale mais que mil palavras

Por Fonte83 - 04/01/2021

A campanha já mostrava um Cícero Lucena popular, que come na feira, que se junta ao povo na medida do possível na pandemia.

E se tinha alguém que achava que a atitude era só para conquistar eleitores no período eleitoral, se enganou.

Passada a fase da caça por votos, Cícero continua agindo do mesmo jeito e já começou a primeira semana útil após sua posse provando isso.

A simplicidade do gesto de sentar em uma mesa em um mercado público e comer entre aqueles que precisam de um gestor que olhe para quem mais precisa não é pequeno. Isso faz com que o povo se sinta visto, abraçado, acarinhado.

E não está só na gastronomia essa simplicidade. Observei a primeira reunião de Cícero com os seus secretários. Calça jeans e camisa polo formaram o look do dia de Cícero. Enquanto isso, a maioria de seus auxiliares estava de paletó e gravata.

Para mim o recado ficou bem claro na mensagem dele. Como diz o ditado: “para bom entendedor, meia palavra basta”.

No caso de Cícero, os gestos são bem evidentes. Ele quer humildade, quer o pessoense se vendo em seus representantes, quer ver o povo sendo colocado nos braços de seus assessores.

1° dia útil

Cícero Lucena autorizou o início de uma operação especial de limpeza no bairro Cidade Verde. A ação, realizada pela Autarquia Municipal de Limpeza Urbana (Emlur) e inclui coleta de lixo, limpeza das ruas e capinação.

Em Campina…

Bruno Cunha Lima percebeu que a entrevista coletiva não ia dar muito certo. É melhor evitar aglomeração. Nomeou os secretários e botou todo mundo pra trabalhar. Campina terá uma boa continuidade de serviços e obras.