O peso dos empates de Botafogo-PB e Treze em suas estreias pela Copa do Nordeste

Por Fonte83 - 01/03/2021

Francisco Varela Neto

Diante do adversário e de sua qualidade, diria que a atuação do Botafogo contra o modesto 4 de Julho do Piauí, na tarde desse sábado (27), pela primeira rodada da Copa do Nordeste, foi fraquíssima, pra não dizer pior. É certo que trata-se de um início de temporada, mas levando em conta que o time já tem mais de um mês de trabalhos com o treinador Marcelo Vilar, confesso que esperava mais do alvinegro.

O time mostrou bastante dificuldade, principalmente na criação de jogadas. Há que se registrar que o elenco tem baixas em decorrência de lesões, mas a atuação está longe do esperado pelo torcedor. Agora, o Belo precisará buscar uma vitória fora de casa – o que não é nenhum bicho de sete cabeças – para compensar o tropeço em casa.

Halan Azevedo

Realmente, o repertório do Botafogo-PB contra o time piauiense foi péssimo. Os jogadores erraram de cruzamentos a passes de dois metros. Os lances mais perigosos vieram nos pés do veterano Marcos Aurélio em chutes de longa distância. Para piorar, o próximo adversário do Belo é o Bahia, em Salvador. Copa do Nordeste é competição de tiro curto. O clube precisa abrir o olho se quiser se classificar e apressar o quanto antes o retorno de Clayton com a camisa do Belo.

No domingo (28), o Treze também estreou com um empate na competição. O Galo foi até Alagoas e conseguiu um importante empate contra o CSA, marcando o gol aos 42 minutos do segundo tempo, na marra. Você leitor pode até me questionar “mas tanto Botafogo-PB como Treze empataram. Ambos fizeram um ponto. Por que você faz essa diferença de tratamento?”.

A resposta é clara. Quem o Botafogo-PB enfrentou?. Quem o Treze enfrentou?. De longe, empatar fora de casa com o CSA, clube de orçamento bem superior e que frequenta as séries B e A do Brasileirão, é ‘mais jogo’ do que empatar com o 4 de Julho, com todo respeito ao time do Piauí.

O Treze ganhou um ponto. O Belo perdeu dois.

Raposa na espreita pela Copa do Brasil

Após bons amistosos nos últimos dias e com o time mostrando boa evolução durante a pré-temporada, o Campinense segue em ritmo de treinos fortes para conseguir bons resultados neste primeiro semestre. Uma das competições que o clube vai disputar é a Copa do Brasil. O adversário será conhecido nesta terça-feira (2), durante sorteio na Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Warley no Nacional

Ex-dirigente do Botafogo-PB, Warley vem conquistando espaço no Nacional de Patos. Enercino, um dos nomes em destaque do elenco do Verdão, rasgou elogios ao ex-atacante, com quem já trabalhou o Belo, e disse que Warley já conseguiu conquistar o grupo de jogadores nacionalinos. Vamos ver o que dará em campo.