Governador defende isolamento da orla e toque de recolher em João Pessoa

Por Fonte83 - 22/02/2021

O governador João Azevêdo defendeu, nesta segunda-feira (22), o toque de recolher e o isolamento da orla marítima na Grande João Pessoa. E esses assuntos serão debatidos durante reunião com os representantes da Secretaria de Saúde e de diversos órgãos do setor sanitário do Estado, bem como da Procuradoria Geral, para definir ações de enfrentamento da pandemia, a fim de conter o avanço da Covid-19 na Paraíba.

Outra medida defendida por João Azevêdo durante entrevista ao Bom Dia Paraíba, da TV Cabo Branco, a ser tomada pelo Governo do Estado é a abertura de leitos no prédio da antiga Maternidade Frei Damião, no Bairro de Cruz da Armas. Segundo ele, com isso não será necessária a implantação novamente de um hospital de campanha.

Na área da educação, continuarão as aulas remotas e a sugestão é que as escolas particulares sigam o mesmo caminho, ao menos nos próximos 15 dias. Para João Azevêdo, é preciso tomar medidas mais duras nas próximas duas semanas para que não ocorra um colapso em março.