Governador admite que pode não participar do ‘SOS Transposição’: “Agenda está complicada”

Por Fonte83 - 27/08/2019

O governador João Azevêdo deu a entender que pode não participar do evento ‘SOS Transposição’ que acontece no próximo domingo (1º), em Monteiro, e que está sendo organizado pelo ex-governador Ricardo Coutinho. O ato pede a volta do bombeamento de água no canal da Transposição do São Francisco, paralisado desde fevereiro.

“Minha agenda está complicada”, informou Azevêdo. O gestor, porém, falou da importância do evento para a obra da transposição. 

“Estou indo à Brasília, devo me encontrar com pelo menos seis ministros, vou tratar do estaleiro. Essa manifestação de domingo é importante considerando o que representa a obra da transposição. Defendemos essa obra para que ela funcione e traga os benefícios esperados. Esse é um ato político e, enquanto governo, temos acompanhado, mas o que mais importa é que a água chegue, a minha luta é mais fazer com que o eixo norte seja concluído”, ressaltou.

O ato terá a participação da presidente nacional do PT e deputada federal, Gleisi Hoffmann, e contará com os artistas Chico César, Totonho e Dejinha de Monteiro.