Deputados legalizam o fura fila endinheirado

Por Fonte83 - 07/04/2021

Quem tem dinheiro tem vacina.
Quem não tem espera na fila – que já é longa e, com a concorrência aberta pelos muito ricos, vai encompridar ainda mais.
A legalização do fura fila endinheirado foi aprovada hoje na Câmara Federal com aval de quatro parlamentares paraibanos – Edna Henrique, Pedro Cunha Lima, Leonardo Gadelha e Wilson Santiago.
A justificativa – de que a compra de vacinas por empresas incrementaria o ritmo de imunização, retardado pelo negacionismo genocida do governo Bolsonaro – não se sustenta sob qualquer ângulo em que se olhe a desgraça em curso no país.
E por um único e determinante motivo: a demanda por vacinas é planetária.
Países estão se digladiando por suas doses.
Não sem razão, os laboratórios estão vendendo exclusivamente para governos.
Não temos notícias de Mark Zuckerberg, Jeff Bezos ou Bill Gates tenham furado a fila e comprado suas doses, mesmo sob o argumento de que desejariam imunizar seus colaboradores – a desculpa dada pelos empresários brasileiros sem o decoro de sequer corar.
E que os deputados fingiram engolir enquanto dão aval para essa ultrajante furada de fila.
Na prática, permitiram que os empresários abram concorrência com o Ministério da Saúde, reduzindo ainda mais a oferta para a maioria que espera ansiosa sua vez na fila do SUS.
É uma vergonha.
É uma demonstração de que, no Brasil dos privilégios, nem a morte equilibra a balança.