A Caixa da humilhação dos brasileiros

Por Fonte83 - 22/01/2021

Nos últimos meses milhares de brasileiros foram obrigados a ir presencialmente à Caixa Econômica Federal para receber algum tipo de auxílio. Seja PIS, Auxílio Emergencial ou FGTS Emergencial.

Durante todo esse tempo, quem passou ao menos pela frente de uma das agências aqui em João Pessoa ou mesmo no Interior pode perceber as filas gigantescas que se formam diariamente.

Pois bem! Ontem eu fui uma das pessoas que precisaram ir pessoalmente à uma agência da Caixa. Fui na Parahyba, que fica no Geisel, bairro onde moro. Tinha lá uma laminha de FGTS e fui buscar. Afinal, é meu dinheiro, fruto de muito suor e, muitas vezes, de lágrimas também, então fui buscar.

Assim como os milhares que têm ido, minha presença física se fez necessária porque o aplicativo Caixa Tem não funcionou. Ao menos não comigo. Há mais de um mês fiz o cadastro e ele continua em processo de validação.

Enfim! Cansada de esperar fui até lá resolver.

Foram quase quatro horas de espera. Parte desse tempo na fila, na rua, debaixo do sol escaldante, já que por causa da pandemia não podemos entrar todos. É preciso esperar fora.

Por pouco, muito pouco, não passei mal.

Lá fiquei observando pessoas de todas as idades, estados de saúde, afazeres, esperando assim como eu.

Para ser bem específica, cheguei na agência às 12h, quando voltei para casa já eram 15h33.

O problema? Não levou nem cinco minutos para ser resolvido. E foi resolvido.

O que eu quero chamar atenção é que não existem funcionários suficientes para atender as pessoas e, por isso, as filas crescem e demoraram para reduzir. Muitas vezes as coisas levam 5 minutos apenas para serem solucionadas, assim como foi meu caso. Mas com tão pouco gente atendendo e tão muita gente precisando de atendimento, acaba levando horas para que isso ocorra.

E isso eu também fiquei observando. Enquanto nos revoltamos com a espera, eles precisam exercitar todos os dias a paciência para lidar com a nossa impaciência diante do caos.

Sendo assim, nós brasileiros, todos, usuários e funcionários, acabamos por ser diariamente humilhados.

Nós do lado de cá por termos que esperar tanto e de forma tão insalubre. E os funcionários do lado de lá com não menos desgaste.

Fiquei me perguntando quantas pessoas será que cada um deles atende por dia? Quantas horas de trabalho estão tendo que enfrentar para prestar atendimento a todos que lá chegam?

Se são recompensados financeiramente? Não sei, mas acredito que sim! Mas eu penso que mesmo sendo recompensados o cansaço deve ser extremo, porque eu enfrentei a fila por um dia… eles estão lá no atendimento todos os dias.

É verdadeiramente “A Caixa da humilhação dos brasileiros”.