Sigilo em estudos sobre reforma da Previdência é criticado por aliados e opositores

Por Folha de São Paulo - 21/04/2019
Clique aqui e escute a notícia

A decretação de sigilo sobre estudos e pareceres técnicos que embasaram a proposta da reforma da Previdência foi criticada tanto por parlamentares de oposição como aliados do Palácio do Planalto.

A decisão de blindar os documentos consta de resposta da pasta a um pedido da Folha de São Paulo para consultá-los, formulado com base na Lei de Acesso à Informação.​

A medida foi criticada até por integrantes do partido do presidente Jair Bolsonaro, o PSL. Para o deputado federal Coronel Tadeu (PSL-SP), o nível de restrição é “ridículo” e não há motivo para omitir as informações.